Quem é Lorena?

por • 7 de junho de 2016 • ColunasComentários (0)2671

Por Atlética EEL – USP

 

“Lorena tem USP?”

“Espera… Lorena Quem?”

“Mas vocês tem time?”

“Tem quadra lá?”

Frases como essas já não são surpresa para os alunos da EEL-USP (Escola de Engenharia de Lorena), localizada a cerca de 200km da capital. Surpresa está sendo a cada vez maior representatividade dos nossos atletas em campeonatos que envolvem as atléticas da Cidade Universitária (JOIN, BICHUSP, Copa USP…) e, consequentemente, o merecido reconhecimento: convocações para a Seleção USP.

Quadras de concreto e descobertas, ausência de piscina e pista de atletismo no campus, campos de futebol não-oficiais… nada disso nunca foi e nunca será obstáculo para os atletas de Lorena. Na verdade, esses aspectos são parte da causa, respondendo o porquê que os nossos times se destacam tanto. Talvez se tivéssemos toda a estrutura nas mãos, não lutaríamos com tanta raça, para mostrar quem somos e nossa força. Talvez, apenas talvez, não valorizaríamos cada conquista, desde uma lâmpada instalada no campinho até uma marcação melhor no campão, ou uma bola oficial nova 7.0. E o sentimento de superar juntos todas as dificuldades cria um laço inexplicável em um time, pois todos estão lutando para mostrar do que são capazes. E estamos começando a colher os frutos:

“Nos treinos de vôlei da faculdade pude aperfeiçoar e treinar muito para que, assim, junto com meus amigos de equipe pudéssemos representar a EEL. Não alcançamos todos nossos objetivos durante o ano, mas, também, não deixamos a desejar, fizemos bonito, mostrando que tínhamos garra e que não iríamos desistir fácil, não íamos largar o trabalho feito durante treinos árduos(…)” – Matheus Campos, atleta da equipe de Voleibol Masculino.

Algumas pessoas, quando veem o nome da EEL estampado nas listas de convocação, ficam intrigadas e perguntam-se de onde vêm esses atletas repentinos. Bom, a história não é realmente essa… Não é de hoje que a EEL apresenta bons resultados em campeonatos e em disputas contra times de tradição. O amadurecimento de nossas equipes é notável nos últimos quatro anos, conseguindo assim conquistas extremamente importantes de diversos campeonatos com visibilidade. A convocação é apenas a coroação de nossos atletas por todo o esforço, trabalho e vitórias merecidas.

“Os treinos da seleção são bem dinâmicos e o nível é dos melhores em quesito cenário universitário, pois todas as jogadoras tem intimidade com a modalidade, o que faz com que o treino flua a um ritmo acelerado, porém bem cadenciado. Mas, justamente por isso, a cobrança é grande, equivalente ao potencial do time. Acredito que o maior desafio seja trabalhar o conjunto, pois muitas nem sequer se conhecem anteriormente à convocação. Foi muito compensador ter o nome da EEL no meio da convocação, pois a faculdade possui muitos times com ótimo nível esportivo. Espero que isto fortaleça os laços entre as diversas faculdades e seus jogadores, favorecendo a divulgação dos esportes na comunidade universitária.” – Liliane Suzuki, atleta da equipe de Handebol Feminino.

 

Um dia eu ouvi que é no caos que as pessoas mais se motivam. E é verdade! Construir uma estrutura, um nome, uma história juntos, não tem preço. E podemos dizer que a hora de todos saberem “Quem é Lorena” chegou!

Posts Relacionados

Comentários fechados